Redes sociais, tempo e intenção

ou como a procrastinação não nos faz felizes

Olá! Bem-vindo a mais uma edição da Internet num Telegrama, uma newsletter da Nevoazul sobre meios e mensagens. Esta é a nossa forma de partilharmos contigo aquilo que vamos descobrindo quando estamos online. Obrigada por subscreveres!

Nesta newsletter escrevemos sobre:

  • As intenções que nos levam às redes sociais

  • Identidade na era do Instagram

  • Estar à margem do TikTok

  • …e muito mais!

Redes sociais | Um equilíbrio de tempo e intenção

Quase todas as semanas, surge uma nova aplicação que promete afastar-nos das redes sociais. Umas trancam-nos fora do ecosistema digital com passwords. Outras distraem-nos com jogos, árvores digitais ou relógios em contagem decrescente. Metodologias à parte, a mensagem é sempre a mesma: o tempo para estar nas redes sociais, acabou.

Esta obsessão em contar os minutos passados no Instagram, Facebook ou Twitter, surge como uma tentativa de recuperar o controlo pela atenção, mas, para Tim Pychyl, integrante do grupo de investigação The Procrastination Research Group, estas aplicações raramente são a solução. "A procrastinação não é um problema de gestão de tempo, é um problema de gestão de emoções” justifica Pychyl, acrescentando que “a procrastinação é, por definição, um comportamento irracional porque vai contra o conceito daquilo que nos faz feliz”.

O mesmo pensamento pode ser aplicado às horas perdidas a fazer scroll nas redes sociais. O controlo de tempo pode suavizar o hábito, mas é com sentimento e propósito que se recupera a atenção e controlo. Um truque é aliar os minutos a uma ação. Por cada cinco minutos passados no Twitter a consumir informação, interagir com alguém nessa rede social. Por cada anúncio no feed do Instagram, relembrar a razão porque estamos lá. É tudo uma questão de sensibilidade e equilíbrio entre o nosso papel como utilizadores e as nossas intenções como pessoas.


5 artigos sobre quem somos, quando estamos online


As redes sociais alimentam a tua criatividade?

  • Encontras valor criativo ou emocional nas redes sociais?

  • Preferes aprender com o que é partilhado ou criar conteúdos?

Junta-te à discussão e partilha connosco links, pensamentos, podcasts ou artigos que aches relevante sobre este tema. Queremos que esta simples caixa de comentários se transforme numa comunidade de pessoas curiosas sobre a forma como comunicamos. Também queremos ficar a conhecer quem está desse lado do ecrã :)

Leave a comment

Até já!

Inês 🌿


Queres saber mais sobre a Nevoazul? Nós fazemos um resumo rápido :) A Nevoazul é uma revista anual sobre como comunicamos dentro e fora da Internet. A nossa equipa é composta pela Inês Catarina Pinto, a Bárbara Nogueira, o Pedro Codeço, a Isabel Sá, o Pedro Oliveira e o Miguel Barbot. A revista é feita no Porto, mas podes encontrá-la à venda em várias partes do mundo. Para te agradecermos por subscreves esta newsletter, tens 30% de desconto na compra de qualquer edição da revista. É só usares o código #telegrama no checkout do site.